Ator Edson Celulari é diagnosticado com câncer

edson_celulari-1
Edson Celulari foi casa com Cláudia Raia por 14 anos

O ator Edson Celulari, de 58 anos, usou sua rede social para dar uma notícia nada boa aos fãs. O ator revelou que foi diagnosticado com linfoma não-Hodgkin um tipo de câncer igual ao do ator Reynaldo Gianecchini. Celulari foi casado com a atriz Claudia Raia por 14 anos e tiveram dois filhos Enzo, 19 anos, e Sophia, 13 anos.

Celulari já iniciou o tratamento. “Reuni minhas forças, meus santos, um punhado de coragem… coloquei tudo numa sacola e estou indo cuidar de um linfoma não-Hodgkin. Foi um susto, mas estou bem e ao lado de pessoas amadas. A equipe médica é competente e experiente. Estou confiante e pensando positivo. Com determinação e fé, sairei desde tratamento ainda mais forte. Todo carinho será bem vindo“, disse Celulari.

O linfoma não-Hodgkin é um tipo de câncer raro e mais incidente em pessoas acima dos 60 anos de idade. Seu tratamento pode incluir sessões de quimioterapia e radioterapia.

edson_celulari-2
Ator postou foto em sua rede social já sob os efeitos do tratamento

Natural de Bauru, interior de São Paulo, Edson Francisco Celulari estreou na televisão pela antiga TvTupi, em 1978, na novela Salário Mínimo, de Chico de Assis, sob a direção de Antônio Abujamra, com quem depois trabalharia em Que Rei Sou Eu? (1989), um dos maiores sucessos de sua carreira na Rede Globo.

Entre as muitas novelas que fez na emissora, se destacam O Homem Proibido (1982), Cambalacho (1986), Fera Ferida (1993), Explode Coração (1995) e Beleza Pura (2008). A última foi Alto Astral (2014-15). Celulari também fez séries, como Dona Flor e Seus Dois Maridos (1998), Um Só Coração (2004), Guerra dos Sexos (2ª versão) entre 2012 e 2013 e Animal (2014), para a TV paga, além de Não Fuja da Raia (1995-96), com a então mulher, Claudia Raia.

No cinema, fez poucos filmes, como Asa Branca – Um Sonho Brasileiro (1980), e se prepara para lançar Teu Mundo não cabe nos Meus Olhos, de Paulo Nascimento, em fase de pós-produção.