Final do X Factor Brasil tem show de grandes nomes da música como Tiago Iorc, Ludmilla e prêmio de gravadora;veja resumo completo do programa

x-factor-brasil-2016




A grande final da primeira temporada do X Factor Brasil da Band  aconteceu na quarta-feira, dia 23 de novembro com muita emoção, e show de grandes nomes da música como Jota Quest , Tiago Iorc e  Ludmilla. O cantor Cristopher Clark, da categoria Adultos, foi o vencedor. Com mentoria do jurado Rick Bonadio, ele ganhou um contrato exclusivo de gravação com a Sony Music Brasil. A cantora Jenni Mosello, representante da categoria Mulheres, que teve mentoria de Alinne Rosa, ficou em segundo lugar. Já o grupo Ravena, que contou com mentoria de Paulo Miklos, terminou a atração em terceiro.

>> Aos 43 anos, Cristopher Clark surpreendeu em sua primeira audição no programa musical e ganhou a aprovação dos jurados. Ele ressaltou a sua trajetória como artista e disse não se incomodar com o fato de ser mais velho. “É o que eu sou, um cara de 43 anos que teve muitas vitórias e muitas derrotas. As marcas estão aqui no meu corpo, no meu rosto e eu me orgulho de chegar aonde cheguei”, afirmou.

 Jurados do X Factor Brasil Rick Bonadio, Alinne Rosa, Paulo Miklos, Di Ferrero e a apresentadora Fernanda Paes Leme

Jurados do X Factor Brasil Rick Bonadio, Alinne Rosa, Paulo Miklos, Di Ferrero e a apresentadora Fernanda Paes Leme

O cantor  disse que o primeiro sentimento que teve ao ouvir seu nome ser pronunciado por Fernanda Paes Leme foi de gratidão. ” Nunca imaginei que eu iria ganhar”, eu me sentia realizado já de chegar à final, sabe? Quando ouvi meu nome, foi uma bênção”, disse.

Aprendizado com Rick Bonadio – Quanto ao mentor da categoria Adultos Rick Bonadio, Cristopher disse que foi um aprendizado que teve: “Eu era um cara muito fechado no começo do programa para me comunicar com as câmeras e acho que dei uma melhorada agora. Ele me ajudou desde essa parte até a parte de preparação, toques para os arranjos vocais das músicas e também na escolha das canções. Acho que ele me favoreceu com músicas maravilhosas e eu só tentei retribuir o favor que ele me deu, dando o máximo de mim para o Brasil e para ele”, explicou.

A fama – Quanto ao fato de estar preparado para ser famoso, o vencedor do talent show disse que “sucesso é apenas consequência”. Cristopher sempre quis viver de música e disse que o contrato com a gravadora “possibilita que eu tenha uma estrutura melhor que pegar o meu carro ou uma van e sair tocando por aí”, finalizou.




Resumo do episódio da final do X Factor Brasil (23-nov)

O programa começou com os jurados fazendo um balanço da primeira temporada do X Factor Brasil. Depois, foi a vez dos participantes que chegaram ao Top 10 da atração apresentarem um número musical. Heloá Holanda, Naomi Dominguez, Conrado, Diego Martins, Rafael Oliveira, Valter Jr. e Vinícius, Ravena, Cristopher Clark e Jenni Mosello cantaram Viva La Vida, do Coldplay.

A cantora Ludmilla fez uma apresentação com os hits Sou Eu e Bom. O talent show ainda mostrou as últimas 24 horas dos três finalistas e dos jurados Rick Bonadio, Alinne Rosa, Di Ferrero e Paulo Miklos. Entre os finalistas, Jenni Mosello foi a primeira a se apresentar. Ela interpretou o sucesso You Know I’m No Good, de Amy Winehouse. Após o feedback dos jurados, ela viu vídeos de sua família e ficou bastante emocionada.

Logo depois, Cristopher Clark apresentou Quando o Sol Bater Na Janela do Seu Quarto, de Legião Urbana. “Eu adorei sua versão, totalmente diferente. É talento e a gente quer ver esse programa bem representado”, disse Alinne Rosa. “A gente viveu uma parte da sua história, eu sei que é uma longa caminhada e você merece estar aqui”, afirmou Di Ferrero. “É muito bom ver você cantando
rock nacional. Isso te ajuda a se encontrar como pessoa, como intérprete”, elogiou Paulo Miklos. “Você cantou com classe, cantou com energia e você está tranquilo, com estilo rock’n’roll e madurão”, finalizou o mentor Rick Bonadio. Após os comentários dos jurados, Cristopher assistiu a um vídeo de sua família e ficou visivelmente emocionado.




O programa continuou com uma apresentação de Tiago Iorc, que interpretou o sucesso Amei de Te Ver. As votações do X Factor Brasil então foram congeladas para a primeira eliminação da noite. Antes de o resultado ser anunciado, a banda Jota Quest se apresentou no palco da atração e cantou seus hits Blecaute e Um Dia Para Não Se Esquecer (Sunrise). Fernanda Paes Leme então revelou que Jenni Mosello e Cristopher Clark estavam entre os finalistas, eliminando assim o grupo Ravena
e reabrindo as votações populares.

Jenni Mosello fez uma nova apresentação e cantou Oração, da Banda Mais Bonita da Cidade. Depois, foi a vez de Cristopher Clark cantar Stone Cold, de Demi Lovato. Desta vez, os jurados não deram feedback das apresentações e as votações foram encerradas. Fernanda Paes Leme anunciou Cristopher Clark como o grande vencedor da noite e para comemorar a vitória o roqueiro cantou Kiss, de Prince.

>> Clique para ver + notícias de celebridades, famosos da TV