Fim do horário de verão 2016; essa é a 40ª edição que estimula o uso racional e adequado da energia elétrica

Horário de verão termina neste final de semana
Horário de verão teve início em 18 de outubro do ano passado

O horário de verão 2016 está chegando ao fim.  Os relógios devem ser atrasados em uma hora no Distrito Federal e nos 10 Estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste à meia-noite deste sábado (20-fev). De acordo com o Ministério de Minas e Energia, um balanço da economia de energia elétrica durante o horário de verão (que começou no dia 18 de outubro) deve ser divulgado no dia 25 de fevereiro.

A estimativa é a de que os ganhos superem o patamar de R$ 7 bilhões, valor que representa o custo evitado em investimentos no sistema elétrico para atender a uma demanda adicional de 2.610 MW. Nos últimos dez anos, a medida possibilitou uma redução média de 4,5% na demanda por energia durante o horário de pico (18h às 21h), segundo o Ministério de Minas e Energia.

Já a economia absoluta foi em média 0,5%, equivalente, em todo o horário de verão, ao consumo mensal de energia de Brasília, com 2,8 milhões de habitantes.

Esta é a 40ª edição do horário de verão no país. A primeira vez ocorreu no verão de 1931/1932. O objetivo é estimular o uso racional e adequado da energia elétrica.

mapa-horario-verao