Jon Jones vence luta, mas recusa cinturão do UFC

jon-jones-ganha-cinturao
Jon Jones disse não querer o cinturão por não ter enfrentado Daniel Cormier que estvaa com uma lesão

O lutador americano Jon Jones voltou a vencer no UFC na madrugada de domingo (24-abr) em Las Vegas. Após mais de um ano afastado dos octógonos, o lutador garantiu o cinturão interino dos meio-pesados ao derrotar o também americano Ovince St-Preux, no UFC 197. Jones disse que não está satisfeito com a conquista, que lhe deu o título provisório, pois o lutador não pôde enfrentar o campeão linear da categoria, Daniel Cormier, por conta de uma lesão do rival.

Jon Jones ficou afastado do UFC por 15 meses. Sua última luta havia sido em janeiro de 2015, quando venceu justamente Daniel Cormier. Logo depois, campeão começou a enfrentar problemas com a justiça e teve seu cinturão retirado pelo UFC e entregue a Cormier.

Não quero este cinturão, este não é o cinturão real. Quero o meu cinturão real de volta“, disse Jones, que completou reconhecendo que poderia ter tido um desempenho melhor na luta.

Tudo acontece por uma razão, talvez eu devesse vir aqui para tirar essa luta do caminho. Demorei um pouco para apertar o gatilho. Sinto que usei só 20% da técnica que conheço. Desculpem, queria ter apresentado meu melhor, mas tudo acontece por um motivo, talvez eu precisasse vencer uma antes de derrotar o Daniel Cormier novamente” disse Jones.

Ovince St-Preux saiu do octógono com o braço quebrado depois de receber um chute de Jones durante o combate.

UFC 198
A próxima luta do UFC acontecerá em Curitiba no dia 14 de maio tendo como luta principal o combate entre o brasileiro Fabrício Werdum e o croata Stipe Miocic. A noite ainda terá os brasileiros Vitor Belfort, Ronaldo Jacaré, Anderson Silva, Cris Cyborg entre outros.