Raio-x da delegação brasileira mostra quanto foi investido e dados do time olímpico nas Olimpíadas Rio 2016

delegacao-brasileira
Delegação brasileira é composta por 465 atletas sendo que, 13 deles vieram de outros países

O Ministério do Esporte brasileiro investiu desde outubro de 2009, quando o Brasil ganhou a disputa para sediar as Olimpíadas Rio 2016 (governo Lula) mais de 4 bilhões de reais para criar uma Rede Nacional de Treinamentos focada na formação atletas e em modalidades olímpicas. A meta do Comitê Olímpico Brasileiro para esta edição das
Olimpíadas é ficar entre os 10 primeiros países no ranking de medalhas.

Investimento do governo federal
Desde 2009, R$ 4 bilhões Foram investidos pelo Ministério do Esporte para construir a Rede Nacional de Treinamento para a formação de atletas, cuja infraestrutura consiste em 240 Centros de Iniciação ao Esporte, 47 pistas oficias de atletismo, instalações olímpicas no Rio, entre outros.

 




600 milhões foi o que o governo federal investiu no programa Bolsa Atleta entre 2005 e 2015

Atualmente apenas R$ 3.100 é a bolsa mensal que 6.152 atletas que se dedicam exclusivamente ao treinamento de modalidades olímpicas e paraolímpicas recebem do governo como ajuda para se manterem.

Deste montante apenas 231 atletas com chances de disputar medalhas olímpicas ganham com bolsas mensais entre R$ 5 mil a R$15 mil.

A Rio 2016 será mais uma edição dos Jogos Olímpicos em que a equipe feminina é inferior à masculina em número de atletas. No grupo de 465 participantes, 209 são mulheres e 256, homens. O número representa uma alta em relação a Londres 2012, quando 119 atletas participaram dos Jogos.

grafico-raio-x-delegacao-brasil

Altura e peso médio da delegação
Em média, o grupo de atletas da delegação brasileira mede 1,76 metros, o jogador de basquete Nenê é o atleta mais alto com 2,11m já a atleta Flávia Saraiva é a competidora mais baixa com 1,33m. A atleta mais leve também é Flávia Saraiva com 32kg e o mais pesado é Rafael Silva do Judô com 165kg.

Bruna Takahashi, do tênis de mesa, é a atleta brasileira mais nova da delegação com apenas 16 anos, A esportista mais velha da delegação é Janice Gil Teixeira do Tiro Esportivo com 55 anos.
Quantos atletas cada esporte vai levar para a Rio 2016?

Atletismo – 67 atletas
Badminton – 02 atletas
Basquete – 24 atletas
Boxe – 09 atletas
Canoagem de Velocidade – 08 atletas
Canoagem Slalom – 05 atletas
Ciclismo BMX – 02 atletas
Ciclismo de Estrada – 04 atletas
Ciclismo de Pista – 1 atleta
Ciclismo MTB – 03 atletas
Esgrima – 13 atletas
Futebol – 36 atletas
Gin. Artística – 10 atletas
Ginástica Rítmica – 06 atletas
Ginástica de Trampolim – 1 atleta
Golfe – 03 atletas
Handebol – 28 atletas
Hipismo – 12 atletas
Hóquei sobre grama – 16 atletas
Judô – 14 atletas
Levantamento de Pesos – 04 atletas
Lutas – 05 atletas




Maratona Aquática – 03 atletas
Nado Sincronizado – 09 atletas
Natação – 33 atletas
Pentatlo Moderno – 02 atletas
Polo Aquático – 26 atletas
Remo – 04 atletas
Rúgbi – 24 atletas
Saltos Ornamentais – 09 atletas
Taekwondo – 04 atletas
Ténis – 07 atletas
Ténis de Mesa – 06 atletas
Tiro com Arco – 06 atletas
Tiro Esportivo – 09 atletas
Triatlo – 02 atletas
Vela – 15 atletas
Vôlei de Praia – 08 atletas
Voleibol – 24 atletas

Deste total de competidores, 23 atletas que vestirão a camisa do time brasileiro vieram de 13 diferentes países entre eles está o mesatenista integrado a delegação brasileira Lin Gui de 22 anos é nascido em Manning, na China e conquistou duas medalhas de prata no Pan de Toronto em 2015.

USA (4)
França (3)
Holanda (3)
Inglaterra (2)
Itália (2)
Espanha (2)
Argentina (1)
Armênia (1)
Austrália (1)
Croácia (19)
Cuba (1)
China (1)