Terremoto atinge Itália causa danos e deixa vários mortos

terremoto-na-italia-1
Serviço geológico americano informou que o tremor teve magnitude 6,2 na escala richter

Atualizado às: 14:30h

A Itália sofreu um forte terremoto na madrugada desta quarta-feira (24-ago), provocando danos severos em algumas regiões e deixando vários mortos. O número de mortos jáchegou a 120 pessoas. Segundo o primeiro-ministro Matteo Renzi e o departamento de Proteção Civil.

Vinte refugiados abrigados em uma estrutura em Monteprandone, na região de Marcas, partiram para trabalhar como voluntários em Amandola, uma das cidades da Itália atingidas pelo terremoto. “Foram eles que pediram para dar uma mão neste momento trágico para a região que os abriga“, afirmou Paolo Bernabucci, dirigente do Grupo de Solidariedade Humana, órgão criado para atender milhares de pessoas que pedem refúgio quando entram no país todos os anos.

O presidente da Itália, Sergio Mattarella, afirmou que o país passa por um “momento de dor e de apelo à responsabilidade comum“. “O meu primeiro pensamento vai às vítimas desse devastador sismo que atingiu parte do território nacional“, disse ele.

terremoto-na-italia-2
Equipes de resgates e voluntários refugiados ajudam no socorro das vítimas

Além disso, ele destacou que é preciso “usar todas as forças” para salvar vidas, curar feridos e oferecer as melhores condições possíveis aos desabrigados. “Depois, será necessário um rápido esforço para garantir a reconstrução dos centros destruídos e a retomada das atividades produtivas”, finalizou Mattarella.

A Conferência Episcopal Italiana (CEI) determinou a imediata destinação de 1 milhão de euros (R$ 3,66 milhões) para as operações de socorro nas áreas atingidas pelo terremoto na Itália.

O dinheiro será usado para cobrir necessidades especiais e primeiras emergências. A entidade também fará uma arrecadação em todas as igrejas do país em 18 de setembro, quando acontece seu 26º Congresso Eucarístico.

Consulado Brasileiro na Itália
Telefone: (+39) 06 6889-661
Acessar a página do Consulado

terremoto-na-italia-3
Imagem mostra o antes e o depois da torre do sino na província de Amatrice

O serviço geológico dos Estados Unidos (USGS, na sigla em inglês) informou que o tremor teve magnitude 6,2 na escala richter e segundo uma rede de televisão italiana, o epicentro foi situado entre as cidades de Perugia e Rieti, a pouco mais de 150 km a nordeste de Roma.

A profundidade do terremoto, ocorrido precisamente às 3h36 (22h36 de Brasília), foi de apenas 10 km, o que representa um alto potencial de causar grandes danos e vítimas, segundo o USGS.

O serviço geológico já registrou algumas réplicas, uma delas de magnitude 5,5, e informou que os tremores devem continuar por pelo menos mais alguns dias.