Audiência pública discute a nova Perimetral de Itatiba

seta-voltar-itatiba

O Conselho Estadual do Meio Ambiente (Consema) realiza no dia 20 de agosto, na sede da Prefeitura de Itatiba, às 17 horas, uma audiência pública sobre o Estudo e o Relatório de Impacto ao Meio Ambiente (EIA/RIMA) para a implantação da nova via perimetral. O Eia/Rima está à disposição da população na biblioteca municipal “Chico Leme” e qualquer pessoa pode consultá-lo.

As obras da Perimetral de Itatiba têm início previsto para abril de2016, com investimento de R$ 114 milhões, totalmente custeado pela Rota das Bandeiras. O projeto funcional já foi aprovado pela Agência de Transportes do Estado de São Paulo (Artesp) e no momento a concessionária trabalha na elaboração do projeto executivo da obra.A previsão é que os trabalhos durem dois anos.

Trata-se de uma via importante para a região, pois vai retirar muitos caminhões do tráfego urbano de Itatiba, o que vai melhorar o trânsito e causar outros benefícios como a diminuição da poluição dentro da cidade. Pela via, devem passar 11 mil veículos por dia.

Ao todo, serão 9,7 km de rodovia, com duas faixas por sentido e um canteiro central com 9 metros dividindo as duas pistas. A Nova Perimetral ligará o Trevo de Louveira, no entroncamento das rodovias Eng. Constâncio Cintra (SP-360) e Romildo Prado (SP-063), ao km 101 da rodovia D. Pedro I (SP-065). Para a execução da obra, serão movimentados 2 milhões de m³ de terra, o equivalente a 800 piscinas olímpicas.

Para a implantação da nova via Perimetral, será necessária a construção de dois viadutos no entroncamento com a rodovia D. Pedro I, sete passagens inferiores e um retorno operacional.