Justiça do trabalho bloqueia R$ 1,1 milhão de prefeitura de Nova Odessa

seta-voltar-nova-odessa

Justiça do trabalho bloqueia R$ 1,1 milhão de prefeitura de Nova Odessa
Medida visa quitação de ex-funcionários do Instituto de Ciências da Vida, prefeitura poder-a recorrer à decisão

Após uma ação movida pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), a Prefeitura de Nova Odessa teve o bloqueou R$ 1,1 milhão na segunda-feira (26) para pagamento de rescisões e salários atrasados de ex-funcionários do Instituto de Ciências da Vida (ICV), que prestava serviços na área de saúde ao município. A decisão foi da 1ª Vara de Americana.

De acordo com o MPT, a Prefeitura rompeu o contrato com o EVC, alegando má qualidade dos serviços prestados e falta de apresentação das contas. A Prefeitura deixou de repassar os valores para pagamento dos salários e alegou que a atitude era uma sanção pelo rompimento do convênio.

Em nota a prefeitura informou que não foi notificada oficialmente e que pediu mais explicações à Justiça sobre a decisão. A prefeitura poderá recorrer no TRT, mas isso não impede que o bloqueio do valor. O instituto prestava serviços às unidades de saúde da cidade e também ao Hospital Municipal de Nova Odessa.