Polícia Civil faz busca e apreensão em prefeituras da região

 

A Polícia Civil realizou nesta terça-feira (19-jan) buscas e apreensão de documentos, dinheiro ou provas que possam ajudar nas investigações sobre irregularidades ligadas a contratação de merenda escolar nas cidades de Americana e Sumaré. A Delegacia confirmou a prisão de seis pessoas e ainda tenta prender mais uma na operação “Alba Branca”, que tem apoio das seccionais da região de Campinas. O operação foi deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público.

A ação foi desencadeada na cidade Bebedouro e cumpre mandados de busca e apreensão. As investigações apontam fraude em contratos forjados de merenda escolar, entre prefeituras e a cooperativa de Bebedouro. “Eles cobravam propinas de funcionários públicos e repassavam comissões para os vendedores”.

Entre os presos na terça-feira, estão o presidente e o ex-presidente da Coaf, além de vendedores da cooperativa. Até o início da tarde, 16 mandados de busca e apreensão foram cumpridos e mais de R$ 140 mil foram recolhidos.

O tamanho da fraude, entretanto, ainda não foi identificado. Entre os contratos, havia, por exemplo, uma licitação de R$ 500 mil com a Prefeitura de Bebedouro e duas, de R$ 1 milhão e R$ 2 milhões com a Prefeitura de Campinas.

As investigações começaram no 1º Distrito Policial de Bebedouro-SP e a apreensão tenta recolher provas como: documentos físicos, papéis diversos, anotações, processos de chamadas públicas, orçamentos, microcomputadores e aparelhos de telefonia celular.

Também dentre a busca estão mídias digitais como HD’s, DVD’s e pen-drives, além de dinheiro em espécie, cheques preenchidos e quaisquer outros tipos de documentos que possa estar relacionados ou correlacionados com a Cooperativa Orgânica Agrícola Familiar – COAF e Associação Agrícola e Orgânica de Bebedouro – AAOB.

Segunda a polícia, além das empresas e entidades citadas, há mandados contra as prefeituras de Paraíso, Novaes, Santos, Sumaré, Americana, Colômbia, São Bernardo do Campo, Campinas, Santa Rosa do Viterbo, Bauru, Mogi das Cruzes, Barueri, Araras, Cotia, Mairinque e Caieiras