Mata Santa Genebra de Barão Geraldo, história de preservação ambiental

seta-voltar-barao-geraldo

Mata Santa Genebra de Barão Geraldo
Mata é a segunda maior floresta urbana do Brasil em uma área de 251, 7 hectares (cerca de 250 campos de futebol)

Contato com a natureza exuberante, ar puro, exercício físico em um pedaço preservado de Mata Atlântica dentro do Distrito de Barão Geraldo, em Campinas. A Mata Santa Genebra que é mantida pela Fundação José Pedro de Oliveira tem parte da historia do distrito e muita preservação ambiental.

A mata que pertencia à Fazenda Santa Genebra é a segunda maior floresta urbana do Brasil em uma área de 251, 7 hectares (cerca de 250 campos de futebol) e abriga mais de 600 espécies vegetais e mais de 800 espécies animais. Lá podem ser encontrados mamíferos, aves, anfíbios, répteis, peixes e insetos variados. Uma das atrações do local é o Borboletário, onde borboletas são criadas em cativeiro para estudo.

História
A mata foi adquirida pelo casal José Pedro de Oliveira e sua esposa Jandyra Pamplona, depois que o Barão Geraldo Ribeiro de Souza Rezende (que dá nome ao Distrito) teve que leiloar parte de seu patrimônio após problemas financeiros. José Pedro Oliveira, que sofria de tuberculose, manteve mata intacta porque acreditava que respirava melhor dentro do local.

Em 1981, já viúva Jandyra Pamplona, doou a reserva para o município de campinas com a promessa de que ela seria preservada. Para garantir isso, ela encontrou uma saída jurídica criativa. Dona Jandyra doou a sombra da mata e não a terra. Por isso, ela continuaria sendo do município enquanto as árvores estiverem de pé.

Em 1985, a Mata Santa Genebra foi nomeada Área de Relevante Interesse Ecológico, pelo Governo Federal. Maior remanescente de Mata Atlântica de Campinas, a mata é palco de muitas pesquisas que permitem conhecer melhor as espécies vegetais e animais da reserva.

Atualmente, a ARIE Mata Santa Genebra é tombada pelo patrimônio histórico natural e seu manejo é subordinado ao ICMBio (Instituto Chico Mendes para Conservação da Biodiversidade).
Mata Santa Genebra de Barão GeraldoA fauna é muito rica e são aproximadamente 300 espécies de vertebrados e 500 de insetos. Entre os mamíferos mais estudados está o macaco-prego, com pesquisas sobre hábito alimentar, importância na dispersão de sementes e comportamento.

Criado no ano de 2000, o Borboletário de 3 mil de metros quadrados, tem como objetivo estudar as espécies presentes na Mata Atlântica, as plantas atrativas e a importância desses insetos para o equilíbrio ecológico.

Saiba mais no site da Mata de Santa Genebra