Conheça as opções para Turismo Ecológico em Nova Odessa

seta-voltar-nova-odessa

Nova Odessa, conhecida como ‘Paraíso do Verde’ é um ótimo lugar para visitas em seus pontos turísticos como o Parque ecológico, jardim botânico, unidade de conservação e represa.

parque-ecologico-Nova-Odessa
Parque Ecológico Isidoro Bordon

Inaugurado em 2004, o Parque Ecológico Isidoro Bordon abriga aproximadamente 130 espécies de animais, entre eles jacaré, tigre d’água-brasileiro, gato-do-mato, anta, tamanduá-bandeira, macaco-prego, lobo-guará, cachorro-do-mato, sagui, veados e araras, que ficam distribuídos em 13 recintos. O zoo é aberto à visitação de terça-feira a domingo, das 7h às 17h.

Bem mais antigo e maior, o Instituto de Zootecnia conta com 850 hectares (1/3 do total encontra-se em Americana) e é referência mundial por suas pesquisas científicas nas áreas de produção animal e pastagens, atuando no Paraíso do Verde desde 1905. O local conta com a última reserva de Mata Atlântica do município, 11 nascentes e aproximadamente 400 animais vivem no local.

represa-Salto-Grande-Nova-Odessa
reservatório de água, o Salto Grande

A cidade ainda dispõe de um grande reservatório de água, o Salto Grande, que nasceu em 1949, após represamento do Rio Atibaia para a instalação de uma usina hidrelétrica que ainda tem os municípios de Paulínia e Americana como detentores da represa.

jardim-botanico-Nova-Odessa
Jardim Botânico Plantarum

O Jardim Botânico Plantarum foi idealizado a partir de 1990 e fundado em 2007, ocupando uma área urbana de 10 hectares no município, reconhecido internacionalmente como centro de pesquisa e conservação da flora brasileira. O espaço, referência em paisagístico sustentável, é estruturado para o desenvolvimento de pesquisas científicas e para o cultivo sistemático das coleções botânicas em formação, colaborando ainda para o desenvolvimento de projetos destinados à conservação de espécies ameaçadas.

Atualmente, sua vegetação é constituída por mais de cinco mil espécies, predominantemente de plantas nativas do Brasil, além de um herbário com 20 mil exsicatas.

Outras informações podem ser obtidas na Coordenadoria de Cultura na Av. João Pessoa, 253 no centro ou pelo fone: (19) 3466-2196 e e-mail: [email protected]