Holambra usa aplicativo para intensificar combate ao mosquito Aedes Aegypti

seta-voltar-holambra

Holambra usa aplicativo para intensificar combate ao mosquito Aedes Aegypti
Usuário poderá enviar foto, localização e descrição da ocorrência

A prefeitura de Holambra lançou o aplicativo “Sem Dengue” para o combate ao mosquito Aedes Aegypti no município. O app permite que a população se torne fiscal de pontos de proliferação do mosquito transmissor e encaminhe informações à administração municipal em tempo real, auxiliando na identificação e eliminação de possíveis criadouros.

O usuário do serviço poderá enviar foto, localização e descrição da ocorrência, as informações são recebidas pela Prefeitura e encaminhadas aos agentes comunitários para combate ao foco do mosquito. Após a visita, o morador receberá respostas por meio de notificações sobre a ação da Prefeitura.

O aplicativo “Sem Dengue” é gratuito, está disponível para sistema Android no Google Play e não necessita de cadastro prévio. “Nos unimos ao Colab.re (rede social colaborativa que tem como objetivo incentivar melhorias nas cidades) no ano passado para oferecer ao morador de Holambra uma plataforma eficiente e dinâmica de gestão colaborativa. Com um celular na mão, todos podem apontar problemas, sugerir melhorias e ajudar a construir uma cidade melhor”, disse o prefeito Fernando Fiori de Godoy (PTB).
Para Gustavo Maia, cofundador do Colab.re, o aplicativo “Sem Dengue” tornará a ajuda do usuário mais simples. “O cidadão consegue fazer a sua parte com mais rapidez e a informação gerada por ele chega à Prefeitura bastante detalhada, com foto do problema, localização com endereço, coordenadas e a descrição do fato. Com isso, conseguimos fazer um diagnóstico e enviar ao local o agente endêmico já com material específico para o caso”.