Itatiba decreta estado de emergência após sofrer com as fortes chuvas de março

seta-voltar-itatiba

chuvas-em-Itatiba-1
Morador registra momento em que as águas da chuva tomava conta de um bairro da cidade

As chuvas que caíram em Itatiba na segunda-feira (14) causaram mais estragos na cidade, uma ponte cedeu e uma de suas principais avenidas ficou alagada. De acordo com a prefeitura, esta é a terceira estrutura com problemas devido ao mau tempo em menos de um mês.

O problema com a ponte, que liga a rua Marcos Dian a Amábile Baptistela Bettin tem causado congestionamento no local. A Avenida 29 de abril, uma das principais do município também ficou alagada.

chuvas-em-Itatiba-2
Centro da cidade também ficou alagado depois da chuva de segunda-feira

A prefeitura declarou na última sexta-feira (11-mar) estado de emergência no município, após reunião realizada para levantar as avarias na cidade. O estudo foi realizado por uma equipe do Comitê de Gestão de Crise, que envolve todas as secretarias e Coordenação da Defesa Civil. Desta forma, o prefeito João Fattori (PSDB) reuniu elementos suficientes que legitimaram a necessidade de declarar a Situação de Emergência.

chuvas-em-Itatiba-4
Biblioteca Municipal ficou bastante avariada

Acervo Biblioteca Municipal
O alagamento também atingiu seriamente o acervo da Biblioteca Municipal Chico Leme. Localizada no prédio anexo ao Mercado Municipal, a biblioteca sofreu com a força das águas que, em seu interior subiram cerca de 1,5 metro.

Mortes confirmadas
Dois homens foram encontrados mortos em áreas alagadas. De acordo com informações da prefeitura, as vítimas foram localizadas nesta sexta-feira no Jardim De Lucca e no bairro Santo Antônio. Uma das mortes aconteceu após um homem tentar atravessar um córrego que transbordou e foi levado por uma enxurrada no bairro rural Morro Azul, outro corpo também é de um homem foi encontrado dentro de um bar que estava alagado.

chuvas-em-Itatiba-5
Funcionários e voluntários ajudaram na limpeza do Centro Ambulatorial

Atendimento Ambulatorial
O atendimento do Ambulatório Central de Especialidades (SUS) foi suspenso na segunda-feira pois o prédio passa por limpeza e manutenção. A Secretaria de Saúde avalia quando retornará os atendimentos e está montando uma estratégia de atendimento para o período em que o prédio deverá passar por limpeza e manutenção.

Durante o domingo (13), um mutirão de funcionários e voluntários ajudou a limpar toda a lama que cobria todo piso e balcões do local onde funciona a sede da Secretaria da Saúde.