Após 30 anos Lagoa do Taquaral em Campinas passará por desassoreamento

seta-voltar-campinas

Após 30 anos Lagoa do Taquaral em Campinas passará por desassoreamento
A última vez que a lagoa passou por uma limpeza semelhante foi em 1986, há 30 anos

A Lagoa do Taquaral em Campinas passará por um processo de desassoreamento a partir da próxima segunda-feira (25-abr). A Draga que será utilizada para fazer o trabalho foi instalada na terça-feira e deverá ficar na lagoa até o final de outubro.

Ao todo serão retirados do fundo do lago mais de 60 mil m3 de sedimentos (equivalente a 20 mil caminhões). De acordo com o Daee (Departamento de Águas e Energia Elétrica) a retirada dos bancos de areia que estão acumulados mais próximos às galerias pluviais irá aumentar a capacidade da lagoa, responsável por auxiliar no combate às enchentes, já que retém a água das chuvas, que correm à jusante do Ribeirão Anhumas.

lagoa-taquaral_campinas
Parque recebe a visita de aproximadamente 200 mil pessoas por mês para práticas de exercícios e lazer em família

Os técnicos dizem que o trabalho que será realizado é muito importante porque o trabalho de desassoreamento vai ampliar a oferta de oxigênio para os peixes e inibir a proliferação de algas. A obra tem um custo total estimado em R$ 1 milhão.

A Lagoa do Taquaral é o maior espaço de lazer de Campinas e recebe a visita de aproximadamente 200 mil pessoas por mês. Em 2011 a prefeitura chegou a iniciar esse trabalho, mas foi interrompido. A última vez que a lagoa passou por uma limpeza semelhante foi em 1986, há 30 anos.