Estação Ferroviária de Jaguariúna ganha selo de patrimônio histórico Estadual

seta-voltar-jaguariuna

estacao-ferroviaria-jaguariuna
Estação Ferroviária de Jaguariúna que foi inaugurada em 1945

O Condephaat (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado de São Paulo) acaba de tornar a Estação Ferroviária de Jaguariúna um patrimônio histórico Estadual. O local que é um conhecido ponto turístico na região teve a seu favor diversos fatores. Entre eles, a arquitetura neocolonial.

O processo para o tombamento da estação começou em 1994 teve a decisão publicada no Diário Oficial no final de junho. Apesar da importância história da estação, foram necessárias análises criteriosas para que se chegasse a esse resultado e a conferisse do selo.

Como justificativa para o tombamento da Estação, foi levado em consideração a importância histórica e material do local e também da cidade, que teve função terminal para a construção do primeiro trecho da Companhia Mogiana de Estradas de Ferro, inaugurado em 1875.

Além disso, também contribuíram para a decisão as características arquitetônicas neocoloniais do prédio e a sua relevância para o turismo local. Famoso na região, o popular passeio de “Maria fumaça“, leva visitantes de Jaguariúna até Campinas por um trecho desativado da Companhia Mogiana de Estradas de Ferro.