ETEP de Paulínia conquista 1º lugar no ranking do Enem entre as melhores escolas municipais do país

seta-voltar-paulinia

etep-paulinia-2016-conquista-primeiro-lugar-ranking-enem

A Etep (Escola Técnica de Paulínia) foi a primeira colocada entre as melhores escolas municipais do Brasil no ranking do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2015.

A divulgação foi feita no dia 04 de outubro pelo Ministério da Educação. Os dados estão disponíveis no site do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais). Com o resultado, a unidade mantém a liderança na classificação no quesito ‘escola municipal’, obtido em 2014 e em pelo menos outros três anos: 2009, 2011 e 2012.

A nota média dos estudantes da Etep foi de 612,70, acima da média brasileira, que foi de 515,80. Considerando apenas os 30 melhores alunos, a média foi de 628,79. Os alunos e professores comemoraram o resultado. Segundo o ministério, 56 alunos fizeram
o Enem no ano passado –ou 96,5% dos alunos aptos a fazerem a prova nacional. Os resultados contemplam as 14.998 escolas que cumpriram o critério de ter pelo menos dez alunos participantes no Enem 2015 e ter taxa de participação igual ou superior a 50%.

>> O Cemep (Centro Municipal de Ensino Profissionalizante) também obteve importante colocação. Ficou entre as 20 melhores escolas municipais do Brasil.A média das notas dos alunos foi de 546,66, também acima da média nacional. Entre os 30 melhores estudantes da unidade, a média foi de 583,39, segundo o ministério.

Na classificação geral, a Etep ficou na 696º posição, que inclui os colégios particulares. No ranking geral das 100 melhores colocações, apenas três colégios públicos conseguiram nota.

A ETEP

 Diretora de Ensino Médio Profissinalizante de Paulínia - Vanda Altafini
Diretora de Ensino Médio Profissinalizante de Paulínia – Vanda Altafini

A Escola Técnica de Paulínia oferece ensino médio e profissionalizante em química em período integral (das 7h às 17h30). Atualmente, são 220 alunos nos três anos.

No período da manhã, os estudantes frequentam as aulas regulares do ensino médio. No período da tarde, entram as aulas técnicas (teóricas e práticas) e reforço escolar. A maioria dos professores tem especialização na área e dedicação exclusiva à escola (não precisam dar aula em outras escolas), além da assiduidade ser acima de 90%.

Na Etep, os alunos recebem quatro refeições diárias: café da manhã, lanche da manhã, almoço e lanche da tarde. A comunidade escolar e os pais têm grande envolvimento. Como resultado disso tudo, a Etep tem alto índice de aprovação dos alunos em vestibulares de universidades públicas, como a Unicamp (Universidade Estadual de Campinas).

Aluno da ETEP Ricardo durante entrevista
Aluno da ETEP Ricardo durante entrevista

O aluno Ricardo de Morais Cézar, 17, está no terceiro ano e vai prestar vestibular para engenharia química neste final de ano. Ele quer uma vaga na Unicamp. Além disso, o estudante já ganhou quatro medalhas em olimpíadas de matemática e física. Neste ano, ele
também concorre em diversos prêmios nacionais.

Já o Cemep oferece ensino médio profissionalizante em informática em período integral. São cerca de 350 alunos, divididos em nove salas.

seta-voltar-paulinia