Notas do Enem 2017 podem ser usadas para inscrições no vestibular 2019 da Unicamp; veja como participar

Neste ano do total de vagas, 645 devem ser destinadas a estudantes vindos da rede pública

Estudantes com pontuação obtida no Enem de 2017 já podem se cadastrar para vagas do vestibular 2019 da Unicamp Campinas a partir desta segunda-feira (15) em novo formatos adotado pela universidade estadual com objetivo de elevar a inclusão social.

Segundo a Comvest (comissão organizadora do processo seletivo), serão reservadas 645 vagas, o equivalente a 20% do total das 3.340 cadeiras distribuídas em 69 cursos.



As inscrições devem ser realizadas através do site oficial até às 17h00 do dia 14 de novembro, enquanto que o pagamento da taxa de R$ 30,00 (para quem tentará ingresso exclusivamente via Enem) deve ser realizado até 21 de novembro. Quem já se inscreveu para o vestibular 2019 (tradicional) precisa pagar R$ 15,00; e candidatos isentos seguem como beneficiários também nesta modalidade.

A distribuição das vagas reservadas será da seguinte forma:
50% de cada curso ao segmento EP (escola pública);
25% de cada curso ao segmento PP (autodeclarados pretos e pardos);
25% de cada curso ao segmento EP+PPI (escola pública + autodeclarados pretos e pardos)



Formato mantido
Os modelos das provas na edição 2019 do vestibular serão iguais ao da edição anterior.

A 1ª fase será composta por 90 questões de múltipla escolha nas disciplinas de língua portuguesa e literaturas de língua portuguesa, matemática, história, geografia (inclui filosofia e sociologia), física, química, biologia, inglês, além de interdisciplinares com tempo total de até cinco horas.

As provas da segunda fase serão em janeiro e cada uma terá duração máxima de quatro horas:
13/01 – Redação e prova de língua portuguesa e literaturas de língua portuguesa
14/01 – Matemática, geografia e história
15/01 – Física, ciências biológicas e prova de química